Noticias | Geral
Precisa de ajuda? Contacte-nos!
+351 916 172 113
+351 912 511 631 /632

Portugal é o terceiro país mais seguro do mundo e o 1º entre os países da União Europeia

1 julho, 2020 Geral

Portugal mantém este ano de 2020 o terceiro lugar no ‘Global Peace Index’ (Índice Global de Paz), atrás da Islândia e da Nova Zelândia.
O terceirto lugar de Portugal a nível global indica ainda que o país ocupa o primeiro lugar entre os países da União Europeia, já que a Islândia não pertence à UE.


A 14ª edição do ranking ‘Global Peace Index’, elabordo pelo ‘Institute for Economics & Peace’ (IEP) e que classifica 163 estados e territórios independentes e cobre 99,7% da população do mundo.
A edição deste ano 2020 conclui que a nível global “a paz se deteriorou, num mundo em que os conflitos e crises que surgiram na década passada começaram a diminuir, estando a ser substituídos por uma nova onda de tensão e incerteza em resultado da pandemia de Covid-19”.

Redução da criminalidade em Portugal

No estudo, a pontuação de cada país é atribuída em função de conflitos internos e externos, segurança e militarização, aferidas por 23 indicadores.
Portugal aparece em terceiro na lista dos países mais seguros do mundo, atrás da Islândia e Nova Zelândia, mas com uma pontuação muito próxima do priemiro e do segundo lugares: 1.247 pontos. A Islândia teve uma pontuação de 1.078 e a Nova Zelândia de 1.198.
Em comunicado enviado às redações, o Ministério da Administração Interna mostrou-se esta quarta-feira satisfeito com a manutenção do terceiro lugar de Portugal.
“Os passos significativos que Portugal tem dado nos últimos anos em matéria de segurança têm permitido a redução da criminalidade e, consequentemente, a subida gradual e consolidada neste ranking”, reforça a nota do ministério tutelado por Eduardo Cabrita.
O IEP calcula que o custo económico da violência em Portugal representa 5% do PIB, um dos mais baixos entre os países analisados.
O país surge também bem posicionado nos apoios sociais e no domínio militar.
Em 2014, Portugal ocupava o décimo oitavo lugar no ‘Global Peace Index’, tendo alcançado a terceira posição em 2019.
O relatório, elaborado anualmente pelo ‘Institute for Economics & Peace’ mede quais são os países mais pacíficos do mundo e foi divulgado, curiosamente, a 10 de junho (Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portugueas).

Menos paz no mundo

A nível global o IEP assinala que este ano o nível global de paz deteriorou-se,”com a pontuação média dos países a recuar 0,34%”. É já o nono ano de descidas no total dos últimos 12 anos.
“Esta é a nona vez, nos últimos 12 anos, que houve uma deterioração da paz, com 81 países a melhorarem (os seus níveis de paz), e 80 a piorarem ao longo do último ano”, lê-se no relatório com cerca de 100 páginas.
A Islândia mantém-se como o país mais pacífico do mundo, posição que detém desde 2008. No topo da tabela seguem-se a Nova Zelândia, Portugal, Austria e Denmark. Canadá, Singapura, República Checa, Japão e Suíça completam a lista dos dez países mais seguros a nível mundial. Não se registaram alterações nas sete primeiras posições do ranking.
No extremo oposto do ranking, o Afeganistão aparece, pelo segundo ano consecutivo, como o país menos seguro do mundo, seguido de perto pela Síria, Iraque, Sudão do Sul e Iemén. À exceção deste último, os outros quatro países têm-se mantido desde 2015 como os menos pacíficos a nível global.

Copyright: Ana Grácio Pinto (mundoportugues.pt)  

GALERIA